Afiliadas
Você está em:
DF - Brasília
105.5 FM
Filtrar por Regiões
Todas
Nordeste
Norte
Centro-Oeste
Sudeste
Sul
DF - Brasília
105.5 FM
MG - Belo Horizonte
96.5 FM
GO - Goiânia
95.9 FM
SP - Campinas
99.7 FM
CE - Jericoacoara
91.7 FM
MG - Bueno Brandão
88.3 FM
MG - Buritis
91.9 FM
MG - Circuito da Canastra
107.5 FM
MG - Divino
102.9 FM
MG - Fervedouro
90.3 FM
MG - Sul de Minas
103.1 FM
MG - Taiobeiras
107.1 FM
MG - Unaí
93.1 FM
MT - Sapezal
97.3
MT - Vera
90.9 FM
PA - Tucuruí
90.9 FM
PR - Foz do Iguaçu
93.7 FM
PR - Palotina
99.3 FM
RS - Erechim
90.7 FM
RS - Ciríaco
88.9 FM
RS - Panambi
88.7 FM
RS - Putinga
101.1 FM
RS - Santo Ângelo
94.5 FM
RO - Ariquemes
92.3 FM
RO - Conesul
100.9 FM
RO - Ji-Paraná
93.7 FM
RO - São Francisco do Guaporé
88.7 FM
RO - São Miguel do Guaporé
99.7 FM
SC - Itajaí
102.1 FM
SP - Barretos
100.1 FM
SP - Catanduva
106.9 FM
SP - Itapeva
93.5 FM
SP - Pirassununga
90.1 FM
SP - São José do Rio Preto
107.9 FM
RS - Casca
88.5 FM
RS - Não Me Toque
95.7 FM
Ao Vivo
105.5 FM

Alexandre Frota: sou pré-candidato a deputado estadual este ano

Celebridades
Publicado em

Clube FM

Sem papas na língua, deputado federal pelo PSDB de São Paulo revela que bastidores do Congresso são piores que os da televisão brasileira

Por: Morillo Carvalho, editor Clube.FM

Aos 58 anos, poucos brasileiros da mídia tem a trajetória de Alexandre Frota. Talvez nenhum. Começou atuando em novelas da Globo com grande sucesso e foi alçado ao status de galã muito rapidamente. Logo teve um casamento relâmpago com Claudia Raia, adquiriu fama de bad boy e transformou-a numa onda em que surfou por bastante tempo. Fez incursões por reality shows – o primeiro deles, o segundo do país (a Casa dos Artistas, no SBT – o primeiro foi o “20 e Poucos Anos, da MTV). Lançou-se no funk, empresariou artistas, teve quadros em programas de televisão, fez filmes adultos.

Em 2018, resolveu surfar em outra onda: a da política. Aproveitou o fato de ser conhecido e de que a maré pró-Bolsonaro era a mais promissora e se elegeu pelo então partido do presidente, o PSL, com 155.522 votos pelo estado de São Paulo. E este ano já definiu o rumo que tomará, ainda nos quadros da política: disputará uma cadeira na Assembleia Legislativa de São Paulo, agora pelo PSDB, partido ao qual está filiado desde agosto de 2019, ainda no primeiro ano de sua legislatura e já surfando em ondas diferentes daquelas que a ajudaram a se eleger.

“Eu achei que já tivesse visto de tudo na televisão, porque é um ninho de cobra, aonde muita gente puxa o tapete de muita gente, mexe com vaidade, status… Porém, aqui em Brasília, há algo a mais: há o poder. Então a coisa aqui é mais pesada”,

constata Frota.

Após mais de três anos na Câmara dos Deputados, diz estar mais maduro e compreensivo com o processo político.

“Cheguei aqui um bolsonarista radical, louco, comecei a compreender um monte de coisas. Logo em maio eu me afastei do bolsonarismo, e aí minha vida teve pelo menos uns oito meses de terror, pânico e alta tensão”.

Em defesa da mulher e dos autistas

A prosa rolou solta no podcast Fala Sucesso!, da Clube FM, apresentado por Arthur Luís. Ele quis saber o que Frota faria de diferente, ao avaliar os três anos e meio em que ocupa a cadeira de deputado.

“Eu não faria nada de diferente, até porque sou um deputado que trabalha muito. Me entrego muito, sou um dos primeiros a chegar na Câmara e um dos últimos a sair. Sou hoje o deputado que mais tem projetos em defesa da mulher brasileira, o que mais tem projetos em defesa dos autistas, e são mais de 800 projetos”,

detalha o deputado.

Contra as fake news

Ainda falando sobre os feitos em seu mandato, Frota relatou estar à frente de pautas importantes que impactam na vida nacional, ainda mais em momento pré-eleitoral.

“Sou coordenador da CPMI das Fake News, trabalho na força-tarefa do STF no combate às fake news, e trabalho incansavelmente e intensamente. Fui o primeiro parlamentar a abrir diálogo com a esquerda e começo aí a entender que, lá, você não vai fazer nada sozinho. Ainda que você fique com as pessoas que pensam diferente de você, você vai precisar caminhar e construir com essas pessoas. faz parte do jogo”.

Questionado sobre se essa jornada na Câmara acabou por pavimentar mudanças, ou se descrê que elas ocorrerão, o parlamentar disse acreditar que o país tenha mudado muito neste período. Lembrou da instalação da fome no Brasil e do contingente de desempregados em níveis recordes, e dos 30 milhões de brasileiros abaixo da linha da pobreza.

“Recebi uma pesquisa que revela que 26% das crianças brasileiras não terão as três refeições diárias. O Brasil vive uma crise enorme na saúde, institucional, confusa. Um governo que não fala com as mulheres, não fala com a população LGBTQI+, não fala com os negros, que não se preocupa e faz com que o descaso aumente a cada momento. Na minha visão, o governo não fez nada de bom, nenhum projeto social autoral. O presidente, a cada vez que sai de férias são 2 milhões de reais naquele cartão corporativo dele que, como já dizia o Cazuza, parece uma navalha. E quando não está de férias, está exonerando algum delegado da Polícia Federal que começou a investigar alguma coisa de algum dos filhos, ou da mulher, ou da ex-mulher, ou da outra, ou da Val do Açaí. Foram 20 superintendentes da Polícia Federal que mudaram de estado, aparelhou o Coaf, o TCU, e a todo momento sai um escândalo”, critica.

Para conferir tudo que Frota disse – afinal o papo não foi só sobre política – assista ao Fala Sucesso!:

Veja Também
Aplicativo Clube
Baixe o App da Clube e fique por dentro de tudo, o tempo todo.
O aplicativo de rádio mais legal da internet. Acompanhe a sua Clube em qualquer lugar!
App Clube
Contatos