Afiliadas
Você está em:
DF - Brasília
105.5 FM
Filtrar por Regiões
Todas
Nordeste
Norte
Centro-Oeste
Sudeste
Sul
DF - Brasília
105.5 FM
MG - Belo Horizonte
96.5 FM
GO - Goiânia
Rede
MT - Vera
90.9 FM
PA - Tucuruí
90.9 FM
RO - Ariquemes
92.3 FM
RO - Conesul
100.9 FM
RO - Ji-Paraná
93.7 FM
RO - São Francisco do Guaporé
88.7 FM
RO - São Miguel do Guaporé
99.7 FM
MG - Bueno Brandão
88.3 FM
MG - Buritis
91.9 FM
MG - Medeiros – Circuito da Canastra
107.5 FM
MG - Divino
102.9 FM
MG - Fervedouro
90.3 FM
MG - Sul de Minas
103.1 FM
MG - Taiobeiras
107.1 FM
MG - Unaí
93.1 FM
SP - Barretos
100.1 FM
SP - Catanduva
106.9 FM
SP - Centro-Oeste Paulista
88.7 FM
SP - Itapeva
93.5 FM
SP - Pirassununga
90.1 FM
SP - São José do Rio Preto
88.9 FM
PR - Foz do Iguaçu
93.7 FM
PR - Palotina
99.3 FM
RS - Erechim
90.7 FM
RS - Ciríaco
88.9 FM
RS - Panambi
88.7 FM
RS - Putinga
101.1 FM
RS - Santo Ângelo
94.5 FM
SC - Itajaí
102.1 FM
RS - Casca
88.5 FM
RS - Não Me Toque
95.7 FM
CE - Jericoacoara
91.7 FM
MT - Sapezal
97.3 FM
PA - Redenção
91.1 FM
SP - Campinas
Rede
SC - Blumenau
89.1 FM
MA - Pinheiro
90.9
MG - Serra da Mantiqueira
98.1 FM
SP - Mogi Guaçu
102.5
SP - Ipuã
92.5
Ao Vivo
105.5 FM

Banco bloqueia mansão de Ana Hickmann em Itu para quitar dívidas

Celebridades
TV e Famosos
Publicado em

Clube FM

Com a petição, caso Ana realize a venda do imóvel, uma parte do valor será automaticamente bloqueado para pagar uma dívida de R$ 1,6 milhão ao banco

Por Correio Braziliense

Nesta segunda-feira (27/11) o Banco Safra protocolou na Justiça de São Paulo uma petição onde informa que foi realizada uma averbação premonitória na casa onde Ana Hickmann reside em Itu, interior de São Paulo, na última sexta-feira (24/11). Com a petição, caso a apresentadora realize a venda do imóvel, uma parte do valor será automaticamente bloqueado para pagar uma dívida de R$ 1,6 milhões ao Banco Safra.

Segundo o site Notícias da TV, a mansão de 2.600 metros quadrados era o último imóvel conhecido da apresentadora que estava sem restrições em relação à venda. O Safra realizou o mesmo procedimento com um apartamento localizado em Perdizes, zona oeste de São Paulo, e um terreno em Pacaembu, anunciado para venda por R$ 6,5 milhões.

Outros bens da apresentadora e de Alexandre Correia, ex-marido, já haviam sido bloqueados pela cooperativa Sicredi, sendo um apartamento na Pompéia e cinco veículos, devido a uma dívida no valor de R$ 2,5 milhões.

Vale destacar que a averbação premonitória não impede a venda de nenhum bem. Trata-se de uma anotação no registro do imóvel em cartório ou de veículo no Detran de que o bem está bloqueado para pagamento de dívida. A ação serve para alertar a eventuais compradores que parte do dinheiro a ser pago terá que ser destinado ao credor da dívida.

Problemas financeiros

As questões financeiras enfrentadas pela apresentadora não são de agora. Desde de junho o casal vem sofrendo uma grave crise de liquidez e crédito, sendo alvos de inúmeras ações de execuções de dívidas na Justiça. Segundo informações do Banco Safra, até o final de outubro, 46 ações estavam em andamento, exigindo R$ 14,6 milhões.

Cerca de R$ 8,5 milhões do valor seriam referentes a dívidas de empréstimos contraídos recentemente, de setembro do ano passado para cá. Ainda de acordo com informações, o casal deve para o Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal e Banco Original.

A crise financeira enfrentada pelo casal teria sido o motivo da agressão que Ana Hickmann sofreu em 11 de novembro. Em entrevista ao Domingo Espetacular no domingo (26/11), ela comentou sobre as dívidas e pontuou que ainda não tem detalhes sobre as investigações.

“Eu ainda não posso entrar em detalhes, porque a investigação toda está correndo sob sigilo. O que posso dizer é que, na quinta-feira que antecedeu essa situação toda, essa agressão dentro da minha casa, eu encontrei documentos, encontrei cheques, encontrei muita coisa que… Algumas, quando eu olhei, eu não consegui identificar pra que serviam, se eram lícitas ou ilícitas, assinaturas que eu tenho certeza de que não são minhas, valores que eu me deparei e falei: ‘Não é possível, se isso aqui passou por aqui, por que tudo isso está acontecendo, e onde está isso?”, afirmou Ana.

O Correio entrou em contato com a assessoria de Ana Hickmann, mas ainda não teve resposta. O espaço segue aberto para manifestação. 

Veja Também
Veja Mais
Aplicativo Clube
Baixe o App da Clube e fique por dentro de tudo, o tempo todo.
O aplicativo de rádio mais legal da internet. Acompanhe a sua Clube em qualquer lugar!
App Clube
Contatos